Padrinhos e madrinhas de Casamento — Como Escolher?

padrinhos de casamento

Fotos: Leonardo Tucci

A escolha dos padrinhos de casamento, assim como todas as decisões que precisam ser realizadas na organização, é muito importante. Desenvolvemos este artigo para ajudar você a pensar sobre o assunto e a ter critérios para considerar alguns detalhes.

 

Quem deve ser escolhido como padrinho e madrinha de casamento?

Os padrinhos devem ser selecionados em conjunto pelos noivos, pois quem ocupa essa posição deve desempenhar um papel considerável na vida de ambos.

O convite funciona como um tipo de pedido. É uma maneira de expressar aos convidados que eles são considerados importantes para o casal e informá-los que devem continuar por perto trilhando o caminho juntos, mas agora nessa nova fase.

Lembre-se de que os padrinhos de casamento são para sempre! Portanto, um padrinho ou madrinha precisa se fazer presente no dia a dia.

Além de ajudar nos preparativos e apoiar o casal durante a festa, quem recebeu essa missão deve ser uma parte essencial da vida dos noivos. Os escolhidos precisam ajudar em momentos difíceis da trajetória do casal, por isso, analise ao seu redor quem cumprirá esse papel com excelência.

Sabendo da importância dessa decisão, confira abaixo outras dicas e informações relacionadas ao tema que irão ajudar no processo de escolha. 

 

Passo a passo para a escolha dos padrinhos e madrinhas de casamento


O casamento é um momento repleto de significado, amor e carinho, mas também demanda tomar decisões complicadas. 

Para realizar a escolha dos padrinhos, certamente você já deve ter pensado em vários nomes, não é mesmo? Ter dúvida nessa etapa é normal, mas você pode considerar alguns pontos que irão ajudar, como: 

fazer uma lista com todas suas possíveis escolhas;

definir o número de padrinhos; 

considerar o nível de proximidade com o casal;

refletir se a decisão é baseada em consideração ou obrigação familiar. 

Entre todas as decisões que precisam ser tomadas, a definição dos padrinhos de casamento é uma das mais difíceis. Afinal, não é simples cortar algumas pessoas dessa lista, ainda mais sendo entes familiares ou amigos próximos, mas decidir é necessário para que não só a celebração ocorra com excelência, mas para contar com um apoio durante toda a vida.

 

Critérios para escolher os padrinhos e madrinhas de casamento

Para amenizar as dúvidas que surgem ao longo desse momento, adotem alguns métodos que visam facilitar, permitindo que ninguém importante para você fique chateado. 

Entendemos que são muitas pessoas especiais e de destaque na vida do casal que os noivos gostariam de compartilhar o altar, mas somente alguns podem subir. 

O importante é encontrar um equilíbrio seguindo alguns critérios e tendo em mente que não precisam agradar a todos, o momento é único do casal. 

 

Qual a função dos padrinhos de casamento na celebração?

Os padrinhos não devem receber um convite bonito e especial e apenas participar da cerimônia no dia. Eles precisam estar envolvidos ativamente em prol de ajudar o casal com sugestões, propostas, esclarecendo dúvidas e buscando estar presente em decisões tão importantes para o casal. 

Por isso que, quando os padrinhos acompanham diretamente o relacionamento dos noivos, é um bom indicativo de que irão continuar realizando essa tarefa no decorrer dos anos.

São eles que: 

organizam as despedidas de solteiro;

chás de panela, lingerie ou bar;

ajudam com sugestões de fornecedores;

compartilham ideias de decorações de casamento; 

ajudam na escolha do vestido e terno da celebração;

entre outros itens que podem ser mais desafiadores para o casal se responsabilizar sozinhos.

Resumindo, são pessoas íntimas que vão contribuir com a organização dos detalhes envolvidos nessa fase tão importante que é o planejamento e realização do seu sonho!

 

Escolhendo os padrinhos e madrinhas de casamento

Alguns casais escolhem como padrinhos de casamento um familiar, mas essa não é a única opção! Além dos familiares, observe quem realmente está presente em suas vidas. 

Por mais que exista uma lista grande de amigos próximos, na maioria das vezes, não será possível convidar todos. Por isso, analise os critérios de afinidade e a importância na vida conjunta. 

Não é recomendado fazer concessões por educação, afinal, só de estar presente em uma data tão importante como o casamento, os seus familiares e convidados devem estar extremamente felizes por vocês.

Os amigos que não dá para deixar de fora, aqueles que acompanharam a relação desde o início, que participam ativamente da vida do casal e são íntimos, são esses que devem ser escolhidos e com certeza merecem estar junto com o casal abençoando a união.

 

Formando os pares 


Na organização da cerimônia, algumas vezes será necessário separar alguns casais para formar pares com outras pessoas.

É usual em algumas ocasiões formar casais de padrinhos com pessoas que não se conhecem para que ocorra tudo bem em questões de quantidade, pensando em não deixar de fora pessoas importantes. 

Se essa for a sua situação, procure apresentá-los antes da cerimônia, promova um encontro não só para tratar dos detalhes da celebração, mas para criar mais afinidade. Assim, quando chegar o dia, todos poderão se divertir juntos com muita animação, sem sentir nenhum tipo de desconforto.

 

Qual o momento ideal para convidar os padrinhos e madrinhas de casamento?


Agora que você já sabe algumas informações para realizar a escolha dos padrinhos, definir o momento certo para oficializar a decisão é importante. O convite de casamento para padrinhos pode variar de acordo com o que você considera mais apropriado para ocasião.

Não existe um protocolo exato para esses convites, mas é recomendado ser feito o quanto antes. O recomendado é pensar na antecedência de acordo com o tipo de cerimônia, considerando o que o seu evento demanda dos convidados, exemplo: 

compra ou aluguel de vestidos/ternos de festa;

compra de presentes; 

transição para uma localização mais distante;

entre outras possibilidades.

Com base nesses detalhes, você entenderá se precisa de muita antecedência ou não. Em média, os casais enviam convites aos padrinhos por volta de 6 a 9 meses antes da cerimônia (se for na mesma cidade). Contudo, lembre-se de que essa é a sua festa e que cada evento é único e personalizado, portanto, respeite o tempo de vocês e a viabilidade do contexto em que vivem. 

 

Ideias de convites para realizar o pedido aos padrinhos e madrinhas


Existem várias maneiras dos noivos demonstrarem o quanto as pessoas escolhidas são especiais ao realizarem o convite. Você pode analisar a que melhor se encaixa com a personalidade de cada convidado e o que mais combina com a história de vocês também. 

Confira algumas ideias para que todos usufruam dessa ocasião especial:

organizar um momento intimista para cada um dos convidados, pois permitirá uma troca e maior privacidade entre os envolvidos;

promover um almoço ou jantar em um ambiente confortável para fazer a proposta;

visitar os convidados, sem que o motivo do encontro seja mencionado, gerando uma surpresa;

reunir os possíveis padrinhos em um único jantar para fazer o comunicado. Essa opção é interessante, especialmente se todos se conhecem, mas tenha em mente que a situação requer mais privacidade e que, se alguém se sentir desconfortável ou não puder aceitar por alguma razão, talvez não consiga responder nesse momento.


Convidar os padrinhos e madrinhas de casamento com um presente


Se você tiver um orçamento mais flexível para a realização do casamento, presentear os seus padrinhos pode ser uma maneira carinhosa de demonstrar a importância que representam aos noivos. 

Há várias possibilidades, escolha um mimo relacionado com a personalidade do casal ou que converse com o estilo da sua cerimônia.

Vale usar a criatividade! Por exemplo, você pode dar canecas personalizadas, porta-retratos, doces, bebidas em miniaturas, ou até mesmo oferecer acessórios que serão utilizados na cerimônia. 

 

Convites para padrinhos e madrinhas por carta


Atualmente, esse estilo não é tão utilizado, mas se você deseja provocar surpresa nas pessoas, essa é a opção perfeita!

O envio de cartas pode funcionar na hora de fazer a proposta, justamente por ser algo inesperado. Afinal, não é comum receber cartas sentimentais por correspondência.

Inspire-se e elabore um convite personalizado com um design que combine com a decoração da festa. É possível usar a criatividade para desenvolver algo divertido ou emotivo. O importante é garantir que eles estejam presentes para dividir esse momento especial.

Para auxiliar nesse processo, tenha ao lado profissionais capacitados e atentos aos detalhes! Se você deseja ter uma festa única, conheça o Grupo Bisutti e desfrute de toda excelência, elegância e sofisticação que será proporcionado ao seu evento.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.