Cachorro no Casamento: Dicas e Cuidados

Foto: Tempo Digital

Muitos animais de estimação são considerados membros da família e presença essencial em momentos importantes como o casamento. Por isso, cada vez mais, casais optam por levar seu cachorro na cerimônia. O cachorrinho normalmente entra como acompanhante ou pajem. Mas, essa ideia super fofa exige alguns cuidados especiais.

Primeiramente é importante saber se sua cerimônia de casamento será na Igreja ou no local da festa. Isso porque muitas igrejas não permitem a entrada de animais. Com essa questão resolvida é hora de pensar no seu pet!

Leve em conta o comportamento do animal

Ninguém melhor do que os donos para saber como seu pet reage em ambientes diferentes e com muitas pessoas. Além de ajudar na escolha de levar seu cachorro no casamento ou não, também define se o seu cãozinho vai entrar sozinho ou acompanhado com uma coleira. A segunda opção é sempre a mais segura! É mais fácil de controlar o animal para que ele não vá em outra direção, não faça suas necessidades no caminho até o altar e não fique amedrontado.

Pense bem em como ele iria se comportar no dia! Alguns animais ficam muito estressados e podem não reagir bem com tantos convidados ao seu redor.

Treinamento

Para facilitar esse momento é ideal criar um cenário bem parecido com o do Grande Dia e ver como seu cachorro iria se comportar. Mas, lembre-se os animais podem ser imprevisíveis e, mesmo que no treino tudo tenha sido perfeito, no casamento algo pode sair diferente!

Nesses casos o ideal é contratar um adestrador, mas se você quer tentar adaptar seu pet para que ele esteja mais acostumado com a multidão. Comece a leva-lo para passear em lugares movimentados como feiras de rua e shoppings. Veja se, em meio ao barulho e em um ambiente estranho ele se comporta normalmente e segue seus comandos! Importante também ver se ele anda em sua direção rs!

Depois da cerimônia

Além de pensar na entrada de seu pet, é primordial planejar todos os detalhes. Assim seu cachorrinho não fica estressado e é tratado com todos os cuidados devidos. Normalmente é indicado que haja uma pessoa responsável pelo animal, que se comprometa a tomar conta dele antes, durante e após a cerimônia.

O ideal seria que ele ficasse com alguém que já está acostumado, para evitar o estresse do animal. Essa “babá” cuidará para que seu cãozinho receba carinho, se alimente, beba água, não coma algo indevido, etc.

Como em eventos a comida fica exposta, não é permitido que seu pet permaneça no Buffet após a cerimônia! Além disso, pensando no bem estar de seu cãozinho, é melhor que o responsável por ele, nesse dia, o leve para casa.

 

 

 

 

 

Dicas

Leve alguns itens essenciais para o bem estar de seu cãozinho, como tapetes higiênicos, um brinquedinho, a caminha dele e até petiscos. Assim ele se sentirá mais confortável!

Faça todas as fotos com o seu cachorrinho antes da festa, aproveite esse momento para registrar toda a fofura de seu pet, que cumpriu o papel dele e agora merece ir para casa tirar uma soneca! Ter um cachorro no casamento é uma atração a parte, e embora exija alguns cuidados extras, vale a pena ter seu melhor amigo junto nesse Grande Dia!

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.